Serotonina

por Vinícius Lobato

Banho de Gato

Segunda-feira

16/09/2019

Seja a pessoa que cumprimenta o vizinho advogado e o porteiro do prédio; o dono do estabelecimento gastronômico e o garçom; o médico do familiar ou amigo e o responsável pela faxina do hospital (a limpeza hospitalar é essencial para manter condições dignas e preservar a saúde dos pacientes); enfim, aonde eu quero chegar com isso? Nessa última sexta-feira, levei minha mãe ao Hospital de Clínicas de Porto Alegre, para consulta de rotina... Depois de muita espera para o atendimento e já aguardando sozinho em uma cadeira que ela retornasse, fui até uma tomada de 220 volts (uma dentre várias do andar que eu me encontrava) para recarregar meu celular. Foi quando uma servente veio com uma vassoura em minha direção e disse:

 

   - "Vou lhe incomodar um pouquinho..."

 

   Eu respondi em tom tranquilo:

 

   - "Tudo bem, eu até levanto meus pés do chão se você precisar..."

 

   A moça já passando a vassoura embaixo das cadeiras, resmungou:

 

   - "Quantos papéis de bala - e a lixeira está bem ali!", apontou ela com os olhos para a dita cuja que estava a alguns poucos metros da gente.

 

   Franzindo o cenho, eu fiquei meio sem o que falar, mas concordei com a cabeça em três movimentos lentos de afirmação, pra que ficasse bem evidente minha intolerância aos seres humanos relaxados. Ela prosseguiu:

 

  - "Eu tenho dois gatos que sempre lambem as patas antes de subirem na minha cama."

 

   Então eu ri e acrescentei:

 

  - "E ainda dizem que os animais são irracionais, mas quem é o verdadeiro irracional? Será que é preciso explicar que o ambiente onde se encontra a pessoa vulnerável que você ama, tem de estar impecável? É um procedimento padrão e decisivo para a melhora dos pacientes que eles aguardam aqui fora! Vai entender... Se é difícil o brasileiro se conscientizar em coisas tão óbvias e triviais, em prol do bem estar dele mesmo, como fazer com que ele mude as atitudes em prol de uma nação inteira? Está cada dia mais difícil de lidar com os semelhantes..."

 

   Ela num tom inconformado, fortaleceu a tese com uma frase que dizia pouco, mas dizia muito:

 

   - "E eu é que sei bem disso..."

 

   Resumo da história: enxerguem absolutamente todas as pessoas, porque algumas enxergam coisas que muitos de vocês não enxergam - e nem precisam de diploma para isso.




                                                                                                                                                                            Vinícius Lobato

12 de agosto de 2019

contato@frutosdapoesia.com

21-99515-1649  

©2018 by Frutificando - CNPJ 38.155.042/0001-74

Estrada do Pontal, 6870 - Recreio dos Bandeirantes - Rio de Janeiro -RJ

​Todos os itens da lojinha têm frete incluso, para endereços no Brasil

O prazo de envio é de 10 dias úteis.

Não entregamos para fora do Brasil

Site criado com muito ♥ por Janaína Lourenço

Comunidade Poética. Clube de publicação de livros. | Frutos da Poesia®